Transporte em Londres

Como todos já estão carecas de saber, aqui e em países de primeiro mundo em geral, o transporte público é bom, então a maioria da população prefere se locomover por metrô ou ônibus. E não são só as pessoas pobres ou sem dinheiro pra comprar um carro, executivos e gente com dinheiro também anda. Claro que nem tudo é perfeito e as vezes algumas linhas atrasam, tem umas grevezinhas e etc..mas são problemas isolados. O post é um pouco extenso, isso não quer dizer que seja difícil, porque é bem fácil na verdade, mas é bom explicar tudo o que você pode fazer pra andar direitinho por aqui.

O metrô ainda é o mais utilizados para trajetos longos, e é muito fácil entender como tudo funciona. O TFL é o site relacionado aos transportes de Londres:
Preços das tarifas de metrô: http://www.tfl.gov.uk/tickets/14416.aspx
Preço das tarifas de ônibus e trem: 
http://www.tfl.gov.uk/tickets/14415.aspx
Preço do trajeto escolhido: http://www.tfl.gov.uk/tfl/tickets/faresandtickets/farefinder/current/Default.aspx
Melhores linhas pro trajeto: http://journeyplanner.tfl.gov.uk/user/XSLT_TRIP_REQUEST2?language=en
Linhas atrasadas, com defeito ou em manutenção: http://www.tfl.gov.uk/tfl/livetravelnews/realtime/tube/default.html

A sua pesquisa vai se basear em que tipo de pacote você vai fazer e zonas que vai usar, se vai ser “single fare”, no caso você paga pelo trajeto único, oyster card, o cartão magnético, ou travel card com pacotes de 1 semana, 1 mês ou 1 ano, que podem ser inseridos no oyster card.
A melhor maneira de saber quais linhas pegar pra chegar mais rápido no destino é pesquisar pelo site, você não vai precisar ficar contando paradas infinitas no mapa do metrô pra descobrir isso, o site já faz pra você e até te mostra quantas trocas você vai precisar fazer, se vai precisar pegar ônibus ou trem. Mas é bom ter o mapa em mão, caso você vá fazer uma jornada e não tenha o site em mãos, você vai saber pra onde ir e onde trocar. Você pode baixar e deixar salvo no celular ou imprimir http://www.tfl.gov.uk/assets/downloads/standard-tube-map.pdf#.

 

Quando uma linha cruza na outra é ai que você sabe quantas linhas passam na estação, pela bolinha branca, as vezes 2 estações são interligadas e é quando são duas bolinhas grudadas.

Vale lembrar que o DLR pra entrar não é fechado e nem tem ninguém pra saber se você vai passar o cartão ou não, mas ai na outra estação que não é DLR, você é obrigado a passar pra sair o que vai acontecer é que você irá pagar a tarifa mais cara de todas por não ter passado a entrada. E acho que DLR precisa de oyster card, não lembro de ter visto entrada pro ticket em papel.

Na maquina do oyster card, se você for só botar os créditos tem que no Top up as you go e botar o valor que quer, é sempre em múltiplos de 5, você pode pagar com cartão ou em dinheiro. Você pode também botar por trajeto da onde você está pra onde quer ir, e você pagará só o trajeto.

O oyster card e o travel card servem pra andar por todos os tipos de transporte público, isso de acordo com a sua zona.

No caso do ônibus, você pode também olhar pelo site quais ônibus pegar em quais paradas, no ponto de ônibus vai ter os números dos ônibus e os locais que eles vão passar, assim você sabe quais irão pra onde você quer ir, lá também tem o horário que eles vão passar e costuma ser bem pontual.
http://www.tfl.gov.uk/tfl/gettingaround/maps/buses/

Se você vem de férias:
Vá até o guichê com o carinha e peça o Travel Card, ele é em forma de papel e é gratuito e não precisa pagar as 5 libras do Oyster card. Você deve prestar atenção e apenas comprar as zonas que irá utilizar, porque zonas mais afastadas são mais caras para a zona 1-2.
Você tem as opções de pedir o do dia todo ou 7 dias, se for ficar 2 semanas é só voltar lá e renovar. Ele te dá direito a andar de ônibus e metrô, trens a vontade. O Oyster é bom pra quem quiser ter a liberdade de poder renovar os créditos sozinho pelas maquinas, já que você pode utilizar o travel card no oyster card, ou se você quiser pagar apenas pelas viagens que fizer. Se não for pegar metrô que nem um doido faça as contas com o single fare e veja se vale a pena pagar o travel card do dia todo.

Se vem pra morar:
Se vem pra morar ai é bom ter o Oyster card
, e dependendo, o melhor é ir adicionando crédito aos poucos no cartão ao invés de comprar o pacote de 1 semana ou 1 mês. Se você precisa usar o metrô todos os dias e fim de semana, ai vale a pena compra o pacote, se você não vai usar metrô no fim de semana já não vale mais a pena. É só fazer as contas e avaliar melhor , como eu moro na zona 3 pra mim não vale mais a pena o pacote se eu não for utilizar todos os dias. Pra comprar o de 1 mês em diante você vai precisar preencher um formulário, mas é bem tranquilo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s